BRADESCO: COMO SOLUCIONAR PROBLEMAS E ATIVAR A CRIATIVIDADE

Mudar a cultura organizacional fazendo inovação na prática

Mais de 600 colaboradores impactados

São mais de 300 inscritos no programa

+ 35 workshops aplicados

Com 3 grandes vencedores com vendas iniciadas

Processo colaborativo com facilitação

Investimento em protótipos e aquisição de recursos

Uso da ferramenta Leque de Criatividade no dia-a-dia do banco

Investimento em protótipos e aquisição de recursos

O CAOS Focado, em parceria com a Cann Negócios Sustentáveis, é responsável pela disciplina de inovação e criatividade da UniBrad, a universidade corporativa do Bradesco.

Com a metodologia voltada para solução de problemas, os mais de 600 colaboradores impactados já criaram cerca de 60 projetos para a empresa, com a visão de que a autonomia e a ação baseada em experimentação e prototipagem das ideias pode levar a resultados surpreendentes. Os projetos tem diversos tipos e atacam os mais diversos problemas e desafios tanto internos da organização como do próprio setor bancário.

São ativadas diversas competências como criatividade, autonomia, colaboração, trabalho em equipe e engajamento. Tudo isso trazendo a solução de problemas do dia-a-dia da empresa, que afetam os funcionários de forma direta.

Colaboradores aprendem sobre o processo de criatividade e, ao mesmo tempo, resolvem problemas reais do banco.

Buscamos transformar os padrões mentais com criatividade e colaboração

No workshop, os participantes, divididos em grupos de diversas áreas e funções, vivem intensamente o processo criativo para resolução de problemas, muito usado em desafios precisam de soluções inovadoras. Ao longo de 2 dias, todos experimentam o processo criativo passando por cada fase e refletindo sobre seu papel e a aplicação real do que estão fazendo.

Cada participante ganha um exemplar do Leque de Criatividade, ferramenta que reúne as mais usadas técnicas de inovação de forma lúdica e super simplificada – afinal, o objetivo é desmistificar a criatividade e empoderar as pessoas. Dessa forma, cada um pode levar consigo algo que pode usar no seu dia-a-dia para ajudar a resolver problemas da empresa, sejam pequenos ou grandes.

São apresentadas técnicas de criatividade e colaboração e provocadas diversas atitudes que mudam o padrão mental de quem participa. Ao final, todos formulam um projeto que resolve um problema que eles mesmos trouxeram, contribuindo para o engajamento e integrando a plataforma de inovação que já existe para projetos internos de inovação. Ao abordar esses problemas, inserimos ainda mais os aprendizados e as ferramentas no cotidiano dos colaboradores, mostrando que é possível mudar a cultura e resolver os problemas da organização.